Como montar uma estratégia de marketing on-line vencedora

Jul 30 2020 | Time PayPal

Desenvolver uma estratégia de marketing pode soar como algo complexo e que leva muito tempo, mas isso não é necessariamente verdade. Conheça 5 ideias incríveis para começar.
Você abriu seu negócio on-line. Com ele, você transmite confiança, oferece uma experiência de compra fluida e os clientes estão começando a comprar.

Mas como levar seu comércio eletrônico para o próximo nível? Como atrair novos clientes ou persuadir os atuais a gastar mais na sua loja?

Para responder a essas perguntas, você precisa de uma estratégia de marketing para seu negócio on-line.

Desenvolver uma estratégia de marketing pode soar como algo complexo e que leva muito tempo, mas isso não é necessariamente verdade. Conheça 5 ideias incríveis para começar.

Lançamos também um e-book, gratuito e disponível para download, que é uma versão mais longa deste artigo e traz mais ideias e informações. O link está no fim do artigo.


1.  Entenda seus clientes e sua jornada de compra

Você pode usar o que sabe sobre os clientes para criar experiências individualizadas que ajudem as pessoas a encontrar o que procuram.

O primeiro passo é conhecer os clientes, seus interesses e prioridades. Crie o perfil, ou persona, do seu cliente padrão. Por exemplo, seu público são homens jovens, solteiros e interessados em exercício físico e vida saudável? Ou são mulheres mais velhas, casadas, com carreiras consolidadas e muito dinheiro, mas pouco tempo livre?

O segundo passo é analisar como seria a "jornada do comprador". Quando um consumidor descobre sua marca, pesquisa sobre o que você vende e decide fazer uma compra, ele está na "jornada do comprador". Se você conseguir determinar em que fase da jornada ele está, poderá apresentar as informações certas para que ele passe para a próxima fase.
 

2.  Use SEM e SEO para tornar sua empresa mais conhecida

O marketing para mecanismos de busca (SEM) pode ajudar a destacar sua empresa das outras. Essa técnica usa publicidade direcionada para dar mais visibilidade à sua empresa nas páginas dos resultados das buscas, aumentando as chances de os clientes encontrarem a sua marca ao pesquisarem produtos ou serviços específicos.

Os anúncios do SEM podem ter diversos tamanhos e formatos, desde mensagens de texto simples até anúncios visuais. Os anunciantes dão lances em palavras-chave que os consumidores usam nas pesquisas. O preço pago por palavra-chave depende de alguns fatores, como: a frequência de busca do termo, a concorrência pelo termo e quão específico ele é.

O SEO (ou otimização para mecanismos de busca) é o processo de levar seu site para mais perto do topo dos resultados de buscas por meio da adaptação da estrutura e do conteúdo das suas páginas. As palavras que você usa (incluindo palavras-chave), a estrutura dos títulos e a sua forma de descrever as imagens podem afetar a capacidade de um mecanismo de busca “entender” o conteúdo do seu site.

Existe muito material on-line para ajudar você a melhorar o SEO, mas saiba que o padrão de busca dos compradores muda o tempo todo. Tente ficar por dentro das novidades e leve em consideração tendências importantes, como o uso de dispositivos móveis, recursos de voz e busca visual.


3.  Use as redes sociais para conversar com o público e gerar vendas

As redes sociais podem ser um canal eficaz para atrair novos compradores, formar relacionamentos e entender o que os clientes querem. Além disso, é possível vender diretamente por elas.

O segredo é escolher com cautela os melhores canais para cada tipo de cliente que você atende e investir tempo para criar um público. No começo, você pode usar dados das ferramentas dos canais de rede social para refinar sua estratégia.

Depois de formar um bom conhecimento sobre seu público, você pode usar conteúdo pago segmentado para promover sua empresa.

O próximo passo é facilitar a vida dos clientes na hora de comprar com você, mesmo para aqueles que não acessaram seu site. O comércio social – compras feitas diretamente nas redes sociais – já é muito comum em alguns países e está crescendo bastante no mundo todo.

Veja qual das plataformas escolhidas seria a melhor para vender diretamente e comece fazendo experiências com postagens que levem os usuários à compra.

O PayPal pode ajudar nisso.
 

4.  Use conteúdo personalizado fazer marketing individualizado

Uma personalização bem feita cria uma experiência melhor e mais envolvente para o cliente.

Ajude os compradores a personalizar as visitas ao seu site (e torne as próximas visitas ainda melhores). Dê a eles a chance de criar listas de desejos, marcar produtos como favorito e compartilhar o que quiserem nas redes sociais. Você também pode personalizar o que é exibido com base no histórico de cada visitante do site ou até no clima local.

Concentre-se nas diversas soluções de baixo custo (e às vezes gratuitas) criadas especialmente para os pequenos negócios. Elas podem facilitar a adaptação automática do conteúdo do seu site de acordo com as preferências e interações dos clientes.

Também é possível oferecer uma experiência de pagamento mais personalizada, disponibilizando métodos de pagamento e moedas relevantes para a região e oferecendo compatibilidade com o tipo de dispositivo preferido dos compradores. O PayPal pode ajudar nisso tudo e mais um pouco.

Seja qual for o nível de personalização que você decidir aplicar, certifique-se de sempre cumprir as leis de privacidade das regiões em que atua ou pretende atuar.


5.  Prepare-se com antecedência para vender mais nos feriados mais importantes

Os principais feriados do ano são uma oportunidade de conquistar novos compradores e fortalecer o relacionamento com os clientes atuais por meio de promoções especiais. Pense em como você pode usar ofertas e descontos para atrair novos clientes e recompensar os mais fiéis. É preciso planejar com antecedência. Veja algumas dicas:
  • Otimize seu site nas buscas – refine seu SEO usando palavras-chave relevantes para o feriado em questão (por exemplo, “presente do Dia dos Namorados” ou “ofertas de Natal”).
  • Crie caminhos de “navegação rápida” para levar os compradores direto para os produtos mais vendidos da temporada.
  • Crie um processo simples para os clientes se inscreverem em seu programa de e-mail marketing. Uma estratégia que pode ajudar é criar uma oferta especial para quem acabou de entrar no site, como "10% de desconto na primeira compra".
  • Adicione as promoções de feriado às suas redes sociais – lance uma promoção de feriado na sua página no Facebook ou perfil no Twitter, oferecendo cupons especiais para as pessoas que seguem você nas redes.
 

eBook

Baixe o e-book gratuito agora

Um plano de marketing pode ajudar você a consolidar sua empresa on-line, atraindo novos clientes e incentivando os clientes atuais a comprar mais. Esse processo não precisa ser difícil. Escolha só algumas ideias e experimente.

Você pode encontrar mais ideias e informações sobre cada um dos tópicos acima no nosso e-book gratuito.

Baixar e-book

 

Perguntas frequentes.

Você pode encontrar a Política de Uso Aceitável clicando no link Termos de Uso na parte inferior de qualquer página do PayPal.

E se eu precisar denunciar uma nova violação?
Clique aqui para denunciar uma violação da Política de Uso Aceitável.

Que tipo de violações posso denunciar?
Nós o incentivamos a denunciar qualquer violação da Política de Uso Aceitável ao PayPal imediatamente. Preencha e envie o formulário se você identificar uma violação relacionada com:

  • Um link PayPal.Me
  • Uma Vaquinha
  • Uma imagem ofensiva ou gráfica
  • Conteúdo adulto
  • Exploração infantil
  • Ódio, violência, intolerância racial ou outros
  • Armas e armas de fogo
  • Jogos de azar
  • Marketing multinível e esquemas Ponzi
  • Medicamentos controlados
  • Narcóticos ilegais
  • Produtos falsificados ou roubados
  • Qualquer outra violação da nossa Política de Uso Aceitável
Chargeback de produto não recebido (Reclamação do comprador indicando que não recebeu o produto)

Produto físico
Ao responder a uma reclamação de produto não recebido, você pode fornecer um número de rastreamento como prova de que o cliente recebeu o produto.
  • Certifique-se de que o número possa ser verificado online e indique uma entrega para endereço que o cliente forneceu nos detalhes da transação.
  • Se a transação for superior a $750 USD (ou equivalente a moeda), deverá ser incluído um documento com assinatura de recebimento.
  • Se o rastreamento online não mostrar a entrega, você precisará enviar um documento da empresa postal confirmando a entrega.
Serviço/produto virtual
Se o comprador disser que não recebeu o serviço ou produto virtual, você deverá fornecer evidência de que ele foi entregue, usado, fornecido ou que o serviço foi concluído.
  • A evidência deve ser vinculada ao comprador (por exemplo, nome, endereço, e-mail, ID da transação do PayPal ou outro identificador que possamos encontrar em nossos detalhes da transação, como um ID da fatura).
  • A evidência mostra claramente o cumprimento da transação da qual o cliente se beneficiou ou teve a oportunidade de fazer isso de acordo com os termos e condições do serviço.
  • A prova fornecida deve vir de fontes ou procedimentos já em vigor e não deve ser criada para resposta à reclamação.
  • Forneça evidências ou outras informações relevantes que comprovem o recebimento do produto ou a conclusão do serviço.

Chargeback não autorizado (Reclamação do dono do cartão utilizado na compra indicando que não autorizou a transação)

Produto físico
Ao responder a um chargeback não autorizado, forneça um número de rastreamento:
  • Certifique-se de que o número possa ser verificado online e indique uma entrega para endereço que o cliente forneceu nos detalhes da transação.
  • Se o rastreamento online não mostrar a entrega, você precisará enviar um documento da empresa postal confirmando a entrega.
Serviço/produto virtual
Ao responder ao seu chargeback, forneça evidência de que o produto virtual foi entregue, usado, fornecido ou o serviço foi concluído.
  • A evidência deve ser vinculada ao comprador (por exemplo, nome, endereço, e-mail, ID da transação do PayPal ou outro identificador que possamos encontrar em nossos detalhes da transação, como um ID da fatura).
  • A evidência mostra claramente o cumprimento da transação da qual o cliente se beneficiou ou teve a oportunidade de fazer isso de acordo com os termos e condições do serviço.
  • A prova fornecida deve vir de fontes ou procedimentos já em vigor e não deve ser criada para resposta à reclamação.
  • Forneça evidências ou outras informações relevantes que comprovem o recebimento do produto ou a conclusão do serviço.

Chargeback de mercadoria (Reclamação do comprador indicando que o produto ou serviço não está de acordo com o que comprou)

Ao responder a um chargeback de mercadoria, forneça as seguintes informações:
  • Uma visão geral curta (uma ou duas frases) do seu modelo de negócios e processo. 
  • Uma resposta com base no motivo do chargeback, descrevendo por que o chargeback é injustificado e um reembolso não é devido. Forneça detalhes dos termos e condições que o comprador aceitou ao fazer a compra que se aplicam a esta situação.
  • Qualquer documentação (incluindo imagens) que seja útil para determinar o resultado da reclamação. Não envie fotos de estoque.
  • Qualquer correspondência que você teve com o comprador em questão enquanto ele tentava resolver o problema diretamente com você.
Produto físico
Em resposta a cancelamentos não autorizados, forneça um número de rastreamento:
  • Certifique-se de que o número possa ser verificado online e indique uma entrega para endereço que o cliente forneceu nos detalhes da transação.
  • Envie uma cópia da etiqueta de envio, manifesto ou outro documento que indique claramente o status de enviado ao comprador no endereço listado nos detalhes da transação do PayPal.
  • Se o rastreamento online não mostrar a entrega, você precisará enviar um documento da transportadora confirmando a entrega.
Serviço/produto virtual
Forneça evidências convincentes que possam comprovar que o produto virtual foi entregue, usado, fornecido ou o serviço foi concluído.
  • A evidência deve ser vinculada ao comprador (por exemplo, nome, endereço, e-mail, ID da transação do PayPal ou outro identificador que possamos encontrar em nossos detalhes da transação, como um ID da fatura).
  • A evidência mostra claramente o cumprimento da transação da qual o cliente se beneficiou ou teve a oportunidade de fazer isso de acordo com os termos e condições do serviço.
  • A prova fornecida deve vir de fontes ou procedimentos já em vigor e não deve ser criada ad hoc em resposta à reclamação.
  • Forneça evidências ou outras informações relevantes que comprovem o recebimento do produto ou a conclusão do serviço.

Em 21 de abril de 2019, algumas funcionalidades foram descontinuadas para contas brasileiras do PayPal:

  • Possibilidade de manter saldo em moedas estrangeiras em sua conta do PayPal.
  • Possibilidade de utilizar saldo em moedas estrangeiras para pagamentos de produtos e serviços no exterior. (Poderá utilizar cartão de crédito para realizar tais compras)
  • Possibilidade de cadastrar contas bancárias americanas para retirar saldo em moedas diferentes do Real (BRL).

Essa é uma obrigação regulatória determinada pelo Banco Central. Ainda assim, você pode continuar usando o PayPal para fazer compras e receber pagamentos, tanto nacionais quanto internacionais.

Reforçamos que ainda é possível vender para o exterior, ou seja, você ainda pode receber pagamentos de outros países e em outras moedas, a única diferença é que os valores são automaticamente convertidos para reais no momento do recebimento.

As compras internacionais podem ser pagas normalmente com cartões internacionais e, para nossos clientes que não possuem cartões internacionais, nós disponibilizamos o cartão Pré-Pago Virtual emitido e administrado pela Brasil Pré-Pagos. Com ele, você pode comprar online de outros países sem anuidade. Você pode recarregar seu cartão pré-pago com o saldo da sua conta PayPal, por boleto bancário ou com um cartão de crédito. Sua aquisição é fácil e rápida e você tem total controle sobre os valores pré-carregados. Basta acessar o site da Brasil Pré Pagos e se cadastrar!

A partir dessas mudanças, os valores internacionais recebidos são convertidos para reais e só podem ser usados para compras nacionais, em reais e à vista. Caso você queira usar valores em outras moedas no saldo do PayPal e tenha uma filial em outro país, você pode criar uma conta PayPal deste país para receber pagamentos em outras moedas.

Usaremos cookies para melhorar e personalizar sua experiência se você continuar navegando. Podemos também usar cookies para exibir anúncios personalizados? Saiba mais e gerencie seus cookies